blog

O que é Arteterapia?

Arteterapia é o uso da arte como base para o processo terapêutico. Visa estimular o crescimento interior, abrir novos horizontes e ampliar a consciência do indivíduo sobre si e sua existência. Possui a finalidade de propiciar mudanças psíquicas, a reconciliação de conflitos emocionais, o autoconhecimento e o desenvolvimento pessoal. Pode ser praticada por crianças, adolescentes, adultos e idosos e não requer nenhuma habilidade artística.

Utiliza a expressão simbólica, de forma espontânea sem preocupar-se com a estética, através de meios expressivos como p. ex., a colagem, a pintura, o desenho, a colagem, a argila, a tecelagem, a expressão corporal, os sons e a música.

No início do século XX, Sigmund Freud o pai da Psicanálise, se interessou pela arte e postulou que o inconsciente se manifesta através das imagens, que transmitem significados mais diretamente do que as palavras. Entretanto foi Carl Gustav Jung o criador da Psicologia Analítica, o primeiro a utilizar a expressão artística em consultório. Jung pedia aos pacientes que fizessem desenhos livres, imagens de sentimentos, de sonhos e de situações conflituosas. Jung, em seu livro A Prática da Psicoterapia, considera o valor da utilização de técnicas expressivas como elemento propiciador do resgate do sentido de viver.

De acordo com Jung, através de uma imagem criada, o sujeito consegue ´traduzir o indizível em formas visíveis`. A Arteterapia permite a passagem de um conteúdo inconsciente, não assimilado, para outro conteúdo transmutado e consciente.

A Arteterapia é ideal para quem tem dificuldade de falar e expressar seus sentimentos. Isto porque o inconsciente se manifesta em todos os trabalhos de Arte que fazemos...Por isso é necessário que este trabalho seja feito com um Arteterapeuta que tem toda uma preparação teórica e clínica para facilitar o processo de seu paciente.

Entre os ganhos e benefícios da Arteterapia, podemos citar:

·      Aumento da criatividade

·      Diminuição da rigidez e aumento da flexibilidade mental

·      Transformação de padrões nocivos e sintomas

·      Ressignificação e elaboração de traumas

·      Melhora na autoestima e nos relacionamentos

·      Um maior alinhamento com o nosso propósito de vida

·      Autoconhecimento e Crescimento pessoal

·      Aumento do Bem-Estar e da qualidade de vida

Vale a pena ressaltar, que o ´fazer artístico` é por si só, terapêutico e prazeroso!

Av. Evandro Lins e Silva, 840 - sala 806
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro - RJ
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER